KBB - Cotação de carros - logo
PUB
Página principalNotíciasDicas
Partilhar

O que é a cilindrada de um motor?

A cilindrada (ou capacidade) de um motor é um dos factores que ditam o seu comportamento. Saiba o que é e porque faz a diferença.


A cilindrada de um motor é mais corretamente designada em centímetros cúbicos (cc), mas não raras vezes ouvimos aquele vizinho mais entendido na matéria gabar a sua máquina e o potente motor de 3 litros que traz sob o capot... Também não está errado. Nós explicamos.

Na realidade, a cilindrada mede a capacidade do motor. Litros ou, numa medida de maior precisão, os centímetros cúbicos podem servir da mesma forma para aferir corretamente o volume de mistura de combustível que um propulsor é capaz de acolher e queimar a cada movimento de pistões, para depois definir e influenciar diretamente prestações e o nível de eficiência da unidade propulsora

Como se processa a queima?

Para compreender a importância da cilindrada e como se relaciona com todos os restantes fatores, há primeiro que entender todo processo de funcionamento de um carro equipado com motor de combustão interna. E não é fácil. Mas, para o feito, bastará sublinhar que, para que o carro tenha energia, tem de haver queima de combustível. Este processo, que ocorre dentro dos cilindros, faz-se numa mistura, de diferentes partes (consoante a capacidade), de combustível (gasolina, diesel ou gás) e ar, sendo a dita explosão possível pela faísca produzida pelas velas.

Nos cilindros, que são objetos fechados, estão também os pistões. Estes e as bielas aos quais estão ligados formam um conjunto que se movimenta verticalmente, produzindo a força necessária ao funcionamento do motor que liberta então energia para as rodas motrizes. Aquele movimento é controlado por um eixo que deixa passar a mistura ar/combustível e que liberta os gases gerados pela queima. E a cada movimento, entra uma determinada quantidade de mistura. É precisamente esta quantidade que depois é possível medir, aferindo-se a cilindrada.

Qual o efeito da cilindrada na potência do motor?

Quase matemática: se a cilindrada é a quantidade de mistura disponível para queimar, então não é difícil perceber que um motor 1.0 queima um litro de mistura a cada movimento enquanto um motor 2.0 queimará o dobro da quantidade da mistura combustível/ar. Ora, tendo em conta que é o combustível o gerador de energia do veículo, maiores cilindradas terão melhores potências e desempenhos. A relação só não é direta porque existem muitos outros fatores que influenciam a potência do motor, como a construção, o combustível, entre outros. E é possível hoje extrair de forma muito fiável enormes valores de potência de motor de baixa cilindrada.

Aliás, nos últimos anos, tem-se assistido a um subdimensionamento das mecânicas, aquilo que comumente se designa como "downsizing" de motores, e que não foi mais que parte da resposta mais imediata ao controlo das emissões por parte dos fabricantes de automóveis. O "fenómeno" está precisamente relacionado com o uso de materiais cada vez mais leves e resistentes na construção dos blocos, assim como o recurso a sistemas de injeção mais modernos, turbos e intercoolers.

Qual é a cilindrada ideal?

A escolha de um automóvel por cilindrada do motor deve ter em conta dois fatores essenciais: quanto se está disponível a gastar por mês em combustível e qual o tipo de utilização programada para o veículo. Se a sua condução for maioritariamente urbana, então os atuais blocos de baixa cilindrada permitirão uma condução animada q.b., afigurando-se como as escolhas mais acertadas. Por outro lado, se a autoestrada for o seu habitat natural, então talvez deva ponderar um bloco maior. Pode não ter o desempenho espigado e atrevido dos pequenos motores turbo, mas são mecânicas que exibem um comportamento mais estável e linear em estrada aberta, a permitir também um outro nível de conforto na condução.

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB