KBB - Cotação de carros - logo
PUB
Página principalNotíciasTestes
Partilhar

Novo Levante: um SUV Maserati com motor Ferrari

Não há melhor prova de que a conceção de um veículo de luxo mudou do que nos sentarmos ao volante do novo Maserati Levante.


Embora tenhamos visto outras marcas premium, em especial de origem alemã, desenvolverem modelos SUV de luxo - como os BMW X5, Mercedes-Benz GLE e Porsche Cayenne -, o Levante representa uma interpretação italiana do género, oferecendo um design sensual, forros em pele macia e um som de escape melodioso, para proporcionar aos clientes uma outra opção dentro dos veículos de gama alta.

Com uma entrada tardia no segmento, a Maserati teve a vantagem de poder adaptar a sua abordagem para posicionar os seus veículos onde os seus rivais não estão. O estilo é muito mais expressivo - os contornos do veículo são decididamente inspirados nos de um coupé de 4 portas.

Novo Levante: um puro Maserati

Maserati Levante

Como não podia deixar de ser, o novo SUV da Maserati mostra muitos dos pormenores a que a marca já nos habituou, desde o seu tridente maciço posicionado ao meio de uma caraterística grelha frontal de dentes largos até às grelhas de ventilação no para-choques dianteiro. As sua linhas mostram todo o seu caráter, fluindo e partindo de baixo para subirem suavemente e criarem uma traseira musculada. Assente numa plataforma com 3004mm de distância entre eixos, o Levante tem uma presença forte, medindo 5003mm de comprimento e 1679mm de altura.

Grande por fora, espaçoso por dentro

Maserati Levante Interior

A todo o seu volume exterior corresponde também um espaçoso interior. Na frente, existem dois confortáveis bancos anatómicos e atrás uma segunda fila com três lugares que é mais apropriada para dois passageiros. Não há falta de revestimentos a pele neste habitáculo sensual, sendo ela usada para forrar os bancos, o tablier e os painéis das portas. O modelo S que ensaiámos tinha acabamentos em vermelho, com superfícies contrastantes a preto, que combinavam bem com o exterior em cinzento grafite, complementado com jantes de liga leve com acabamento acetinado e grandes pinças de travão vermelhas.

Dois tipos de motorização

Os compradores podem optar por uma de duas versões: a gasolina, Levante S, ou a gasóleo, Levante Diesel. O motor do Levante S, um 3.0 (2979cc) biturbo V6 acoplado a uma transmissão ZF automática tradicional de conversor de binário com oito relações, foi desenvolvido pela Ferrari, tendo uma potência de 424cv e um binário de 580 Nm, ao passo que o Levante Diesel dispõe de um propulsor 3.0 (2987cc) biturbo V6 e da mesma caixa automática ZF, debitando 275cv e tendo 600 Nm de binário. A potência das duas versões é distribuída pelo seu sistema Q4 de tração inteligente às quatro rodas. O Levante S acelera dos 0 aos 100 km/h em 5,2s com 264 km/h de velocidade máxima, já o Diesel vai dos 0 aos 100 km/h em 6,9s e atinge os 230 km/h.

Equipado com amortecedores ajustáveis magneticamente e suspensões pneumáticas, o Levante oferece cinco posições diferentes de altura ao solo, num curso de 76mm: duas configurações mais elevadas para fora de estrada, uma altura normal e dois níveis mais baixos para melhorar o desempenho aerodinâmico a velocidades superiores a, respetivamente, 130 km/h e 160 km/h. Há uma sexta posição, ainda mais baixa, para quando o veículo está estacionado.

O Levante também dispõe de quatro modos de condução: Normal (com Start/Stop), I.C.E. (Increased Control & Efficiency), Sport e Off-Road. O modo I.C.E., como o nome implica, não é só bom para tempo invernoso, mas, ao arrancar numa mudança mais alta e usando uma estratégia menos agressiva de mudanças, assegura maior controlo em superfícies escorregadias e maior eficiência energética: é similar ao modo ECO de outros fabricantes. O modo Sport tem dois níveis. O primeiro abre uma aba secundária de distribuição de ar do escape, para fornecer um som mais agudo e alto do motor, bem como tornar a resposta ao acelerador mais rápida e contundente, com o motor a funcionar a rotações mais altas e o controlo de estabilidade intervém um pouco mais tarde. O nível 2 torna a suspensão mais firme e baixa a altura da carroçaria para melhorar ainda mais a resposta do veículo.

Maserati Levante

Em vez de adotar uma direção eletricamente assistida, o Levante utiliza uma assistência hidráulica de funcionamento comprovado. A direção tem algum peso com boa resposta. Com mais de duas toneladas, o Levante é pesado mas o elevado binário das duas versões faz com que se sinta leve. O som do escape é marcante, com um cantar único de toque italiano, em especial na versão a gasolina onde a influência da Ferrari sob o capot não levanta dúvidas.

Qual é o preço do luxo?

O preço-base do Maserati Levante Diesel é 108.468€. O Levante S, mais potente, custa 130.268€. O Levante também beneficia de uma completa panóplia de dispositivos auxiliares de condução, incluindo auxílio ao arranque em subida, controlo de descida em declives acentuados, cruise control adaptativo com Start/Stop, alerta de veículo no ângulo morto, deteção de veículos na traseira, alerta de saída involuntária da faixa de rodagem e alerta de colisão dianteira bem como assistência ao estacionamento e uma câmara a 360º. A somar à versão-base, há vários pacotes opcionais, como o Luxury Package (6703€), que inclui grelha frontal e molduras da carroçaria cromadas, vidros traseiros escurecidos, 12 regulações dos bancos frontais e forros de pele premium, ou o Luxury Zegna Package (8321€), com materiais especificados pelo famoso designer italiano, que inclui inserções em fibra de seda natural Zegna Mulberry Silk nos bancos, painéis das portas, revestimento interior do tejadilho, palas para o sol e luz do tejadilho.

Há uma grande e forte concorrência no segmento dos SUV de luxo, em especial quando se incluem não só modelos tradicionais como o Range Rover, mas rivais mais atuais como a Jaguar com o seu F-Pace. A Maserati está entre os mais recentes com o Levante. Outros, como Porsche e Audi, podem ter estabelecido o seu próprio pedigree no que toca a performance e a tecnologia, mas poucos ou nenhuns podem combinar um design expressivo com dotes de performance. E é isso que a Maserati tem para oferecer. Na verdade não é para todos, mas a sua exclusividade é, de certo modo, o seu próprio galardão.

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB