Fechar

Os meus Carros

Comparações guardadas

Sem comparações guardadas

Sem carros recentes

PUB
Página principalNotíciasTestes
Partilhar

Ensaio Porsche 911 Turbo S: perfeição às quatro rodas

Quem diz que a perfeição não existe é porque não conduziu o novo Porsche 911 Turbo S...


Os Porsche continuam a ser carros apenas ao alcance de alguns felizardos, mas, se alguma vez tiver a oportunidade de testar um 911 Turbo S, eis o que tem de fazer: colocar o seletor em modo Sport Plus, pressionar e manter o pé sobre o pedal de travão, carregar a fundo no acelerador e... soltar o travão! De seguida, vai sentir um misto de euforia, barulho ensurdecedor, dores no pescoço e muita (mas mesmo muita) felicidade.

Porsche 911 Turbo S 2017 Seletor modos condução

Porsche 911 Turbo S: potência sem limites

Para que fique claro: a alegria de conduzir um Porsche tem o seu pico em estradas com curvas, mas, seja como for, é impossível ficar indiferente à potência deste 911 Turbo S. O seu motor 6.8l turbo de 6 cilindros e 580 cv, não é só bruto a entregar toda a potência, apresentando também alguma sofisticação na forma como o faz. Na verdade, um dos (muitos) pontos fortes deste motor é a forma como entrega toda a sua força, com grande destaque para a sua transmissão PDK de dupla embraiagem, que passa mudanças de uma forma incrivelmente rápida e precisa e coloca toda a potência no sistema de tração integral.

Voltando às curvas, temos de dar os parabéns aos engenheiros da Porsche, já que o carro sempre se mostrou obscenamente rápido e preciso nas nossas mãos. Isso não quer dizer que este 911 Turbo S seja fácil de domar, já que, ao contrário de outros modelos do fabricante alemão, não conta com inúmeros sistemas de auxílio à condução. Sim, tem amortecedores adaptativos, sim as rodas de trás são direcionais e sim, tem tração integral, mas isso não quer dizer que este Porsche se conduza sozinho!

Porsche 911 Turbo S branco

Já sabemos que conduzir um Porsche a altas velocidades é ouro sobre azul, mas como será conduzir no dia-a-dia? Pela nossa experiência, podemos dizer que é excelente. A sua suspensão surpreendentemente ajustável, o seu interior muito silencioso e sua longa distância entre eixos fazem com que este 911 Turbo S possa ser usado como primeiro carro sem o desconforto de sentir todas as irregularidades da estrada.

Apesar de ser um supercarro, tem alguns pontos menos positivos, como o preço a pagar pelos muitos extras que outros modelos já trazem de origem. Outro ponto é o modo “Sail” da transmissão PDK que, embora não seja uma falha, demora algum tempo até que nos consigamos habituar: se estivermos a rodar numa autoestrada a uma velocidade constante, ao tirarmos o pé do acelerador, a transmissão fica em ponto morto e começa a “navegar” com o motor ao ralenti. Este sistema foi criado para poupar combustível, mas é um pouco estranho num carro com 580 cv.

Assentos criados a pensar em viagens longas

Porsche 911 Turbo S 2017 interiores

Quando nos sentamos ao volante de um Porsche 911 Turbo S, a primeira coisa que sentimos é a envolvência dos bancos. Parece que foram criados com um molde do nosso corpo, mas isso não quer dizer que se tornem logo confortáveis. É preciso esperar um pouco até que consigamos habituar-nos à posição de condução e aos bancos incrivelmente ergonómicos deste 911. E isso não é problema, já que estamos a bordo de um luxuoso habitáculo cheio de pormenores de requinte e a conduzir um dos carros mais bonitos de sempre.

Novidades do novo Porsche 911 Turbo S de 2017

Porsche 911 Turbo S 2017 difusor dianteiro

Para os mais distraídos, é “apenas” um Porsche 911 Turbo S, mas, para os verdadeiros aficionados, existem algumas alterações em relação ao modelo anterior: difusores dianteiros e traseiros novos, faróis novos e uma grelha redesenhada na traseira do carro. Além disso, tem também um novo volante desportivo GT, um sistema de infoentretenimento tátil de 7 polegadas com comandos gestuais e integração Apple Car Play.

Em relação às performances, a verdade é que o 911 Turbo S anterior não tinha falta de potência, mas estes 20 cv adicionais permitem-lhe atingir uma velocidade máxima superior, uma melhor aceleração dos 0 aos 100 km/h e, incrivelmente, melhores consumos de combustível. Quem disse que não podemos ter o melhor de dois mundos?

O Porsche 911 Turbo S em números

Porsche 911 Turbo S 2017 símbolos traseiros

Ao olhar para um carro como o Porsche 911 Turbo S, é fácil distrair-se com os números. É verdade que tem 580 cv de potência, que demora 2.8 segundos a chegar dos 0 aos 100 km/h e que atinge uma velocidade máxima de 329 km/h, mas isso não traduz a incrível experiência que é conduzir um carro destes.

Quer seja para passear ao fim-de-semana, para uma viagem mais longa ou para ir de casa para o trabalho, conduzir o Porsche 911 Turbo S é o mais próximo que um verdadeiro amante da Porsche pode estar do céu. O único problema é que, para lá chegar, tem de desembolsar mais de 240.000€...

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB